PÁGINA INICIAL

quinta-feira, 6 de julho de 2017

Polícia do Piauí é acionada para atender crime ocorrido no lado do Maranhão

Unidades da Força Tática, Policia Militar, Perícia Criminal, Carro Tumba do IML e uma equipe de investigadores da delegacia de Homicídios de Parnaíba, percorreram no inicio desta tarde de quarta-feira(05), vários quilômetros de uma estrada totalmente destruída, simplesmente para atender uma ocorrência de homicídio, uma vez que o fato se deu às margens do Rio Parnaíba pelo lado do Maranhão. 

Além das forças de segurança, segmentos da imprensa de Parnaíba também enfrentaram uma estrada intrafegável, chegando até localidade de Boa Vista, no lado piauiense, adiante vários quilômetros da Comunidade Céu, na Ilha Grande de Santa Isabel. 

Um lavrador identificado como José Sebastião Dourado da Silva Barros, de 42 anos, morreu ao trocar tiros com um capataz de uma fazenda de propriedade de um agropecuarista de Parnaíba, crime ocorrido por volta das 11hs 50. 

 
Segundo à polícia, o capataz também foi baleado e socorrido pelos policiais da FT de Parnaíba que atravessaram o Rio em uma embarcação. Uma ambulância do SAMU resgatou o ferido, o encaminhando ao pronto socorro do Heda. 

O perito do IML de Parnaíba, Frederico Augusto retornou com sua equipe ao saber que o homicídio foi praticado em solo maranhense, abrangendo o município de Araioses-MA. 

O crime pode ter sido motivado por disputas de terras, já que a vítima tinha uma roça com plantio próximo a fazenda. 

 
Uma espingarda bate-bucho, além de facões e um coldre foram levados para central de flagrantes em Parnaíba. O chefe do plantão não não recebeu pelo fato do crime ter acontecido em outro estado. 

 
O corpo de José Sebastião Dourado da Silva Barros, de 42 anos, foi trazido para o lado do Piauí

O outro atirador, identificado com o pré-nome de Alexandre, que saiu ferido no tiroteio, foi levado para o pronto socorro do Heda. 

A informação é que os dois chegaram a travar luta corporal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário