PÁGINA INICIAL

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Policia militar recupera moto tomada de assalto em Parnaíba

Parente da vítima ao saber do roubo passou mal e foi a óbito ao sofrer um infarto fulminante 

Uma patrulha da polícia militar coordenada pelo sargento Marcos deu entrada na central de flagrantes na noite desta quarta-feira(19), com uma moto modelo pop que tinha sido tomada de assalto por volta das 13hs 20 no conjunto Dom Rufino.

Após o roubo por meio de arma de fogo, a moto foi escondida na casa da pessoa de João Batista Aires de Souza, de 49 anos, conhecido Cara Murcha, residente à rua Josias Rone, nº 55, bairro São Vicente de Paula, que foi preso e levado à central de polícia acusado no crime de receptação.

Ao prestar depoimento ao delegado Christian Castro Mascarenhas, Cara Murcha revelou que a moto foi deixada em sua casa ausente de placa pela pessoa conhecida como Antonio Cabeleireiro.

Cara Murcha já tem passagem no sistema prisional por furto
O delegado autuou Cara Murcha no crime de receptação e autorizou despacho de concessão de fiança no valor de 2 salários mínimos para que o mesmo fosse posto em liberdade.

A polícia militar informou que uma dupla teria praticado uma tentativa de roubo contra um filho de um cabo da PM, 20 minutos antes de tomar a moto pop no conjunto Dom Rufino, porém, não logrou êxito e houve até disparo contra a vítima, que escapou de ser baleada.

A placa da moto PIY 1592 - foi encontrada dentro da mochila apreendida pela polícia - pertencente ao suspeito do assalto Antonio Cabeleireiro. 

DO ÓBITO
O sogro da vítima (da moto pop) que residia na avenida Dr. João Silva Filho, ao saber que o genro teria perdido a moto no assalto, passou mal e foi a óbito ao sofrer um infarto fulminante, informou à polícia.

Uma guarnição comandada pelo tenente Páscoa deu apoio na recuperação da motocicleta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário